MARKETING MULTINÍVEL NO BRASIL

86

O Marketing Multinível no Brasil é um assunta até polêmico. Esse sistema consiste em adicionar um ganho de bônus ao recrutar e treinar novos distribuidores, normalmente esse bônus é sobre o faturamento dos recrutados.

Muitos enxergam o marketing multinível no Brasil como uma ótima oportunidade de iniciar o próprio negócio com baixo investimento, conquistar liberdade financeira, mudança de vida ou uma boa alternativa para ter uma renda extra.

Por outro lado, muitos não acreditam nesse modelo de negócio, acreditam que são poucos líderes que se dão bem, que são poucos os que ganham dinheiro com isso, que é uma forma injusta de ganhar dinheiro, que é pirâmide sendo um negócio ilegal, etc. Já ouvi todas essas críticas.

Mas o que as estatísticas mostram a respeito do Marketing Multinível no Brasil?

É realmente ilegal essa forma de negócio?

É realmente injusto ganhar dinheiro com a indicação e recrutamento de novos revendedores?

A ABEVD (Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas) em seu artigo “Planejamento estratégico e a gestão de Marketing Multinível” intitula as vendas diretas com o Marketing Multinível como “O melhor negócio do terceiro milênio” e ainda considera a venda como uma profissão maravilhosa que pode gerar muito dinheiro.

Estatísticas do Marketing Multinível no Brasil

estatísticas 1024x576 - MARKETING MULTINÍVEL NO BRASIL

Segundo a ABVDE, em seu artigo “Planejamento estratégico e a gestão de Marketing Multinível”, as empresas de vendas diretas se limitavam ao sistema mononível, no qual o distribuidor adquire os produtos por um preço e o revende com uma margem de lucro de 30%.

Hoje, até as empresas consagradas como Avon, Tupperware e Natura já possuem planos de carreira que recompensam os revendedores, a conhecida Avon adotou o sistema de Marketing Multinível em 1999, isso mostra o poder de crescimento e que essa é uma tendência para os próximos anos, muitas famílias brasileiras já se matem com este negócio e está se tornando cada vez mais comum está profissão.

No mesmo artigo citado acima também é relatado que o perfil dos participantes foi alterado aderindo a este negócio pessoas de diversas camadas sociais como empresários, professores, decoradores, servidores públicos, engenheiros que buscam a sonhada liberdade financeira.

Temos como exemplo o crescimento deste mercado nos EUA, segundo a ABEVD, em 1990 somente 20% das empresas de vendas diretas norte-americanas adotavam o sistema de compensação por Marketing Multinível. Em 2002 a proporção se inverteu e mais de 80% das empresas já apostavam no Marketing Multinível.

O crescimento do Marketing Multinível no Brasil também é expressivo. Segundo o SEBRAE, o crescimento das vendas pela internet não está impedindo o crescimento das vendas diretas e ainda relata que a poucos anos atrás a participação de cosméticos, perfumaria e higiene pessoal era de 90% do volume de vendas diretas no país, mas recentemente esse volume caiu para 80 % devido a entrada de empresas de outros segmentos (como os varejistas de eletrodomésticos e eletroeletrônicos e os fabricantes de moda íntima), mas ainda é uma taxa alta comparando a outros países.

Segundo a federação mundial do setor (World Federation of Direct Selling Associations, WFDSA), a média global da participação de cosméticos e itens de cuidado pessoal nas vendas diretas é de 35%.

O SEBRAE ainda diz que as vendas online não irão acabar com as vendas diretas porque o contato pessoal e a humanização possibilitam o crescimento do sistema.

Para as empresas, de acordo com o SEBRAE, o Marketing Multinível ou Marketing de Rede, é um canal com grande potência de expansão geográfica, agregando valor aos produtos e serviços por meio das relações pessoais. Para ver mais sobre este assunto no SEBRAE acesse o artigo Distribuição: Vendas Diretas Crescem no País.

A ABEVD, em seu artigo “crescimento em novos segmentos na venda direta”, diz que só no primeiro semestre de 2017 foi movimentado no Brasil R$20,9 bilhões e que outros segmentos tem conquistado representatividade nas vendas diretas como, vestuários (11,8%), acessórios (10,3%), alimentos (6,6%), cuidados da casa (6,1%), utilidades domésticas (4,6%), etc. sendo uma tendência que deve fortalecer o mercado. A categoria de cosméticos, perfumaria e higiene pessoal ainda lidere em termos de volume de negócios representando 40,4% do mercado.

Segundo a World Federation of Direct Selling Associations (WFDSA), divulgor que o Brasil está na sexta posição do ranking, atrás de Japão, Alemanha, Coreia do Sul, China e Estados Unidos. Representando 5% do segmento mundial, o mercado Brasileiro é o mais importante da América Latina com cerca de 4,3 milhões de empreendedores.

estatísticas mmn no mundo - MARKETING MULTINÍVEL NO BRASIL

Enfim, eu poderia vasculhar pela internet e encontrar mais e mais estatísticas relatando o crescimento do Marketing Multinível no Brasil e no mundo, este artigo ficaria enorme, mas já da para perceber que este segmento ainda vai crescer muito e vai mudar a vida de muitas pessoas.

SEJA RACCO CLIQUE AQUI - MARKETING MULTINÍVEL NO BRASIL

O que é ilegal?

matrix 1013611 1920 150x150 - MARKETING MULTINÍVEL NO BRASIL

O governo lançou uma cartilha explicando o que é Pirâmide e Marketing Multinível, no caso as Pirâmides são Ilegais.

A cartilha diz que a principal diferença é que na pirâmide não existe a venda de um produto real que sustente o negócio. No Marketing Multinível ou de rede, o revendedor é recompensado pelas suas vendas e pelos novos revendedores que recrutou para trabalhar com as vendas diretas.

É apontado na cartilha alguns pontos que podem ajudar a identificar uma pirâmide:

  • exigência de pagamento inicial de valores expressivos para a adesão, especialmente se comparado com o custo do produto e muitas vezes sem uma contra-partida real (kit de produtos para revenda, p. ex.);
  • o trabalho do “revendedor” não está claramente vinculado a um esforço real de vendas efetivas do produto. Pode até haver alguma atividade envolvida, mas ela faz pouco sentido para a venda, não tem um valor econômico ou poderia ser realizada de forma automática por programas de computador;
  • há promessa de altos ganhos, normalmente em pouco tempo, mas sem que haja clareza quanto a um real esforço do participante com a venda de produtos e sem que os eventuais riscos envolvidos sejam devidamente esclarecidos.

Infelizmente o Marketing Multinível no Brasil sofreu descrédito pelo fato de muitas pessoas terem caído em golpes das pirâmides levando muitas pessoas a desconfiarem do Marketing Multinível.

Cique aqui e acesse a cartilha para mais informações.

Quem ganha dinheiro com o Marketing Multinivel?

Como já relatado neste site no artigo “Como Ganhar Dinheiro com Marketing Multinível“, aqueles que são persistentes, que tem paciência e que se profissionalizam para este trabalho são os que obtém bons resultados neste negócio.

Portanto tendo foco e trabalho os resultados certamente virão. Como dizem por aí, não existe dinheiro fácil.

Quer saber como divulgar seu Marketing M ultinível na Internert - MARKETING MULTINÍVEL NO BRASIL
Curta e compartilhe
Avatar

Leandro de Freitas Padula

Durante a crise econômica de 2015 no Brasil eu fiquei desempregado e isso não foi para mim o fundo do poço, mas sim uma oportunidade para iniciar meu próprio negócio que tanto desejava. Hoje trabalho com vendas diretas e Marketing Multinível e estou muito satisfeito pela oportunidade que tive e pela experiência que a vida me trouxe com as dificuldades. Agradeço a Deus por esta grande oportunidade e quero ajudar a todos que quiserem embarcar nesta viagem de superação e sucesso.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.